domingo, 27 de dezembro de 2009

!!! Matéria q fiz pro IG !!!


Os cosméticos de última geração podem custar caro e causar um verdadeiro estrago no seu bolso. Antes de sair por aí comprando tudo o que há de mais moderno no mercado, preste atenção na opinião dos especialistas. Eles apontam em quais produtos você realmente deve investir.
Maquiagem
Diogo Souza, maquiador da TV Cultura, dá uma dica de ouro: “Os produtos mais importantes são aqueles que aplicamos diretamente na pele, por baixo da maquiagem, como o pó compacto, o corretivo e o batom”, ensina. Se o objetivo é gastar menos, economize na hora de escolher lápis, gloss, blush e máscara para os cílios.
“Os bons produtos para a pele devem conter FPS (Fator de Proteção Solar), inclusive o batom. Mas, como não existe batom com FPS 30, um truque é passar pó compacto nos lábios e só depois o batom: além de fixar mais a cor, ainda protege”, diz o make-up artist Maycon Arêas.
Cabelos
O cabeleireiro Ricardo Heleno, proprietário do blog Mundo dos Cabelos, orienta o investimento na hora de cuidar das madeixas. “Os produtos que merecem mais cuidado são os xampus, máscaras de tratamento e colorações. É muito importante usar xampus que tenham queratina, pois os fios ficam hidratados, sedosos e com menos frizz. Os cabelos mais sensibilizados por colorações e químicas muito fortes, como relaxamento e mechas, pedem mais atenção, daí não tem jeito, tem que gastar um pouco mais mesmo”.
A dermatologista Fabiana Pietro alerta: “Às vezes o barato sai caro. Alguns xampus e condicionantes usam tensoativo (agente de limpeza) mais agressivo e com um pH (índice de acidez) diferente do cabelo. Atualmente, encontramos produtos que ajudam o pH do cabelo a manter-se constante, alem de hidratá-lo, repor substancias perdidas e até atuarem como filtros solares, diminuindo os danos da radiação UV aos fios”, afirma.

Pele
Se você puder investir em apenas um produto de qualidade, não abra mão do protetor solar. “Ele deve conter ativos de última geração, com fator de proteção solar e PPD (método utilizado para medir o UVA na pele): fundamentais para a qualidade do produto final”, orienta Dra. Fabiana.

Já podemos encontrar filtro solar com controle de oleosidade e filtro mais fluido (oil free). “O importante é a pessoa encontrar um filtro solar que se adeque a pele dela, pois do contrário ela pode passar a evitar o filtro solar, que deve ser usado diariamente, sem exceção”, acrescenta a Meire Brasil Parada, dermatologista da UNIFESP.
Segundo Meire, os cremes anti-idade também merecem investimento. “Na hora de escolher esses cremes, o produto que melhor atua na pele é o ácido retinoico e o Retinol, seu derivado, podem ser comprados e utilizados sem restrições.
Outros produtos, considerados secundários, também merecem atenção ou, do contrário, podem acabar agredindo a pele. É o caso dos esfoliantes e demaquilantes. A dermatologista explica: “Se o esfoliante não possuir um micro-grânulo muito bem feito, ele pode ter aquelas arestas que machucam a pele, portanto é muito importante comprar um produto com essas partículas mais arredondadas. Já os demaquilantes, você não deve utilizar nenhum que contenha álcool em sua fórmula, isso evita agressões à pele”, diz.

Serviço:
Bruno Lemos- (11) 3079-9042- www.brunolemes.com

Ricardo Heleno – http://mundodoscabelos.zip.net/
Dra Fabiana Pietro – (11) 2674-5504/ 2673-4348
Diogo Souza – (11) 6553-3900
Maycon Arêas- (21) 8667-4661

---

Bjos mil p/ Melissa Mell!!!